Mostra de Teatro conquista público de Assomada

Cada vez mais pessoas confluem ao Cineclube para acompanhar a par e passo a 2ª Mostra de Teatro que, este ano, traz um cadinho do que de melhor se está a fazer no Teatro em Cabo Verde

 

A 2ª Mostra de Teatro de Assomada está, decididamente, a conquistar o público da cidade, traduzindo-se num crescendo de afluência ao Cineclube. Exemplo disso aconteceu na última sexta-feira e no sábado, com a sala principal desta edição a revelar o interesse dos santacatarinenses por uma Mostra de Teatro que, este ano, aumentou o seu orçamento e trouxe à cidade do planalto um cadinho do que de melhor se está a fazer no Teatro em Cabo Verde.

Na sexta-feira, 16, Fidjus di Banana (Fonte Lima) e Kontra Barera (Liceu Amílcar Cabral), subiram às tábuas para apresentar, respetivamente, Rei d’Malcriado e Korupson.

Rei d’Malcriado retrata a crise da sociedade de hoje, como o mau ano agrícola como pano de fundo, em que pessoas roubam pastos em propriedades de outros, a falta de alimentação em casa, decorrente da falta de chuva. Mas, também, uma luz de esperança, com um jovem a defender a entre-ajuda e a partilha do pouco que as pessoas têm. Uma peça com dramaturgia e encenação de Gelson Moreira e Alex Brito, que conta com a participação dos atores Amilton Cabral, Admila Veiga, Diana Gomes, Adelson Moreira, Pauline Fernandes, Queredilson Francês, Audila Sofia e Denilson Correia.

Korupson, aborda um problema candente da sociedade, como o nome indica, a corrupção que se manifesta em várias frentes, como a falsificação de diplomas académicos, o mau atendimentro nas instituições públicas e um tema candente que inflamou a sociedade caboverdiana: o “caso” do Centro Comum de Vistos. Uma peça com dramaturgia e encenação de Nilton Tavares, que conta com a participação dos atores Benilde, Aiym, Maira, Bruna, Miguel, Odair, Pascoal, Adérito e Nilton.

Teatro maior

O momento mais alto do fim-de-semana estava reservado para a atuação do Fladu Fla (na foto), que aconteceu este sábado, 17, com Clownterrâneo, um conjunto de cinco sketch’s, suportados pela técnica de clown (palhaço) e baseado nas realidades de Cabo Verde, resultante do trabalho final da Primeira Oficina de Teatro do Fladu Fla. O atendimento público, a precariedade dos serviços de limpeza urbana, a inversão do princípio do amor, subjugado ao “satatus” social e às relações financeiras, mas também a necessidade de estabelecer relações saudáveis entre as pessoas e ao nível dos afetos, são os temas levados às tábuas, apoiados numa dramaturgia de comédia. A dramaturgia e encenação, bem assim a representação, são da responsabilidade dos formandos da Oficina de Teatro, tendo como operadores de som e de iluminação, respetivamente, Andrey Cabral e Romilton Pinto.

Para esta quinta-feira, 22, regista-se Contação de Estória, com Elisabete Gonçalves, destinado a crianças, o que acontece no Cineclube, a partir das 10h30.

Para sexta, 23, o Cineclube abre portas às 19h00 para receber Konbersu Poial, da nossa OTACA. E sábado, 24, é tempo de Bodj de Rebeca, trazendo às tábuas o Projeto Chiquinho, de São Nicolau. A não perder, a partir das 20h00.

 


Três profissionais da Optique Vision Plus vão estar de 19 a 21 de julho, no horário entre as 09 e as 17h00, naquele espaço, para atenderem todos os interessados   Durante três dias, de 19 a 21 de...
A escritora vai estar na tarde desta quarta-feira no Centro Cultural Norberto Tavares, para falar de 25 anos de estrada literária. Uma conversa moderada por Tozé Barbosa, tendo como pano de fundo “A...
O responsável pela pasta da Indústria, Comércio e Energia vai estar na próxima quinta-feira no município. Em agenda, um encontro com Beto Alves e a sua equipa, visita a empresas e encontros com...
Alma sem Maldade, Fidjus de Nha Santana e Txabi Nobu ficaram apurados para as meias finais do Concurso o Melhor Grupo do Ano. Pelo Caminho ficaram Boa Vontade e Flor de Cultura, este último por...
A Biblioteca Municipal é palco da 5ª Residência Artística, que abriu oficialmente portas este sábado. Organizada pelo Atelier Beto Diogo e pela Casa das Artes de Assomada, conta com a parceria da...

© Sítio da CM de Santa Catarina 2018