Toxicodependência: uma doença tratável

Pese embora a problemática fazer parte da nossa realidade há muito, a atitude da sociedade perante o fenómeno peca por falta uma informação de qualidade, com prejuízos enormes a vários níveis. Procurando colmatar esses prejuízos, José Luís Vaz, em discurso direto, partilha a sua experiência de dependente e sobrevivente das drogas

 

“A Toxicodependência é uma doença tratável – como e onde se tratar?”, mais do que um livro é o testemunho de vida de José Luís Vaz, que na próxima quarta-feira, 11, sobe ao palco do Centro Cultural Norberto Tavares.

A partir das 16h00, o autor chama-nos a reflectir e conversar sobre um tema recorrente que atravessa horizontalmente a sociedade caboverdiana. A apresentação da obra está a cargo de António Horta, Conselheiro Terapêutico da Comunidade Terapêutica da Granja de São Filipe, e do sociólogo Henrique Varela.

Licenciando em Criminologia e Segurança Pública pelo Instituto Superior de Ciências Jurídicas e Sociais (ISCJS), presidente da Associação Prujetu Txadinha, mentor do Projeto "Vida Melhor" - Grupos de Auto Ajuda para Dependentes Químicos e coordenador dos Narcóticos Anónimos "Guerreiros da Luz", José Luís Vaz viveu e sobreviveu ao drama da toxicodependência, sendo que a sua trajetória é um empolgante exemplo de vida.

Pese embora a problemática da toxicodependência fazer parte da nossa realidade há muito tempo, a atitude da sociedade perante o fenómeno peca por falta de uma informação de qualidade, com prejuízos enormes a vários níveis.

Procurando colmatar esses prejuízos, este livro propõe-nos uma troca de informações sobre a toxicodependência, baseada na história de vida do autor. E, numa abordagem prática, levando-nos a compreender todos os contornos desta doença crónica. Após leitura atenta, a visão e a atitude perante este fenómeno social nefasto mudam positivamente.

Esta obra de José Luís Vaz é, em suma, um alerta à sociedade sobre os riscos do consumo de álcool e de outras drogas, e uma esperança viva para os que ainda estão presos nas amarras da toxicodependência, num discurso direto e sem véus sobre as vivências do autor.

 

 

 


Num encontro que teve lugar na manhã de hoje, nas instalações da Federação Caboverdiana de Futebol, Mário Semedo (que ficou bem muito bem impressionado com o projeto) manifestou-se pronto a...
Inicialmente marcado para 15 de setembro, o torneio-relâmpago em que participam 16 equipas da ilha de Santiago acontece este domingo, 23 de setembro. Organizada pelo Pelouro da Juventude e Desporto, a...
Uma reunião extraordinária da Câmara, aberta a munícipes, acontece a partir das 09h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, juntando eleitos, dirigentes camarários e funcionários da autarquia   A...
O Edil de Santa Catarina defende uma escola aberta e que a Educação não pode ser uma coisa gizada em gabinetes, antes deve estar ligada à vida e às necessidades do país, que estimule o espírito...
Levar para os bairros e comunidades ações de capacitação e atividades de mobilização juvenil, é o objetivo do projeto apresentado no último sábado em São Bento pelo Vereador Jacinto Horta   O bairro...

© Sítio da CM de Santa Catarina 2018