Futsal: Liga dos Campeões de Santiago acontece este sábado

O torneio relâmpago junta 16 equipas campeãs de todos os concelhos da ilha-mãe. Organizado pelo Pelouro da Juventude e Desporto, o evento pretende abrir caminho para a realização de uma Liga Nacional dos Campeões de Futsal e a constituição de uma federação da modalidade

 

No próximo sábado, 15 de setembro, o Pavilhão Celestino Almada (Nhagar) vai acolher, a partir das 09h00, a Liga dos Campeões da ilha de Santiago em Futsal (masculino). 16 equipas, de todos os municípios da ilha-mãe, participam neste torneio relâmpago que decorre ao longo de todo o dia.

Boa Entrada, Nhagar, Achada Galego, Ribeira da Barca, Figueira das Naus, Gil Bispo, Fonte Lima e LAC (Liceu Amílcar Cabral), todas de Santa Catarina e campeãs dos torneios de verão, das festas do município e dos santos padroeiros das localidades, juntam-se a equipas campeãs dos municípios da Praia, São Miguel, São Domingos, Santa Cruz, São Salvador do Mundo, Ribeira Grande e Tarrafal, num total de 16 formações.

O Pelouro da Juventude e Desporto, liderado pelo Vereador Jacinto Horta, continua a implementar a estratégia de colocar Santa Catarina no centro de grandes eventos desportivos, tendo, neste caso, como objetivo trabalhar para a criação de uma Federação Caboverdiana de Futsal, uma modalidade desportiva que tem vindo, nos últimos anos, a contabilizar cada vez mais adeptos.

A realização da Liga dos Campeões de Santiago é o primeiro passo para empreitada de maior vulto: apurado o campeão da ilha, avançar-se para a Liga Nacional dos Campeões de Futsal.

O processo, contudo, é faseado. Por isso, antecedendo o início do torneio relâmpago, a organização promove “Meia Hora de Conversa”, com dirigentes desportivos, treinadores e jogadores, sensibilizando-os para o primeiro passo: a criação de uma Associação Regional de Futsal.

O Pelouro da Juventude e Desporto pretende, ainda, promover dentro de duas semanas (29 de setembro) a Liga das Campeãs, um torneio relâmpago de equipas femininas da ilha de Santiago.

 


A mão-de-obra vai ser empregue na produção de paralelo, cujo orçamento está fixado em 27 milhões de escudos, indo gerar um considerável impacto no rendimento das famílias e na economia local   A...
O quintal do Centro Cultural Norberto Tavares quase que foi pequeno para acolher o lançamento de "Diversidade Interculturalidade e Inclusão - Desafios à Educação Básica em Cabo Verde". Uma obra de...
A estrada tem um percurso de 10 quilómetros, está orçada em 261 mil contos e é financiada pelo Banco Mundial e pelo Governo de Cabo Verde. Beneficiando as populações de Achada Grande, Palha Carga,...
Uma parceria forte que contribuirá para o desenvolvimento da economia local e na criação de empresas, criando mais postos de trabalho, é o propósito da assinatura do protocolo entre a Câmara...
Em encontro realizado na última quarta-feira, o Presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina apresentou um projeto e pediu apoio à Coordenadora Residente da ONU. Ana Graça sustentou que o...

© Sítio da CM de Santa Catarina 2019