Olavo Correia mostrou-se entusiasmado com equipa liderada por Beto Alves

O Vice-Primeiro-ministro esteve esta segunda-feira em Santa Catarina e não poupou elogios à nova dinâmica que se vive no concelho. O também Ministro das Finanças dirigiu-se fundamentalmente aos mais novos: “Precisamos de jovens com ideias empreendedoras, com propostas e projetos, jovens que olham para os desafios que o país e este município têm”

 

Na sua primeira visita oficial, o Vice-Primeiro-ministro e também Ministro das Finanças, Olavo Correia, esteve em Santa Catarina e mostrou-se muito entusiasmado, parabenizando a edilidade liderada por Beto Alves pelo trabalho desenvolvido e pelo clima de paz existente no concelho.

“Hoje governar não é apenas fazer obras e nem fazer decretos. Governar, significa transparência, desenvolvimento e comprometimento em todos os setores”, afirmou o Vice-Primeiro Ministro durante a receção que abriu a visita oficial.

Segundo Olavo Correia, a Câmara tem feito um trabalho extraordinário em matéria de requalificação urbana, acessibilidades, criação de condições para que os santacatarinenses possam ter espaços verdes e estarem bem enquadrados de modo a que todos possam sentir orgulho em ser de Santa Catarina.

“Santa Catarina de hoje tem muito por fazer, mas é diferente de Santa Catarina de ontem. Por isso, as obras que estão em curso contarão seguramente com todo o apoio do Governo, para que sejam realizadas em tempo certo e para que sirva a população”, sublinhou Olavo.

É necessário que futuramente existam condições para que possa haver pessoas empreendedoras. Pessoas que acrescentem mais valor ao que a Câmara Municipal está a desenvolver. “Precisamos de jovens com ideias empreendedoras, jovens com propostas e projetos, jovens que olham para os desafios que o país e este município têm e que conseguem colocar sobre a mesa propostas de solução”, salientou o Ministro das Finanças.

Ainda durante a visita, o Vice-primeiro-ministro afiançou que o Governo tem duas obrigações essências: “preparar a juventude para garantir uma educação igual para todos, independentemente das situações financeiras dos pais, e criar condições para podermos ter empresas e empreendedores que permitam criar empregos para os jovens. São as empresas que geram rendimentos”, salientou Correia.

O número dois do Governo deixou ainda um apelo aos jovens e empresários deste concelho para assumirem juntos esta responsabilidade de desenvolver o país, porque o “Estado não faz e não investe, cria sim condições para que os privados invistam e para que os cidadãos trabalhem em prol do desenvolvimento”.

Obras e requalificações são marca desta equipa

O Presidente Beto Alves mostrou satisfação pela visita e garantiu estar a trabalhar com afinco para que, em conjunto com o Governo, este concelho seja valorizado através de obras e requalificações de todas as zonas e bairros.

“Temos dado uma atenção especial ao desencravamento das localidades, e nesta estreita e agradável parceria com o Governo conseguimos trazer a dignidade aos santacatarinenses”, salientou o autarca.

Beto Alves enumerou algumas das muitas obras que estão a ser realizadas, dentre as quais os calcetamentos de estradas, requalificações da orla marítima, a conceção da praça de Ribeirão Manuel, construção do parque de Boa Entrada, que irá permitir a valorização do turismo em Santa Catarina.

O presidente Beto Alves aproveitou a oportunidade para agradecer ao Vice-Primeiro Ministro e Ministro das Finanças pela mobilização de apoios e de investimentos que tem garantido a Santa Catarina.

“Tenho recebido mensagens de louvar dos munícipes dizendo que o Vice-Primeiro-ministro realmente tem uma visão de desenvolvimento e tem estado a fazer um bom trabalho”, sublinhou o Presidente.

 


© Sítio da CM de Santa Catarina 2019