Ano de 2019 marcado pela ação, dedicação e proximidade com os munícipes

A avaliação foi feita esta quinta-feira pelo Presidente Beto Alves, ao intervir na sessão da Assembleia Municipal sobre o Relatório de Atividades referente ao ano transato

 

No primeiro dia de trabalhos da sessão da Assembleia Municipal, Beto Alves sublinhou que a Câmara teve uma boa prestação no ano transato. O Presidente falava durante a apresentação do Relatório de Atividades e da Conta de Gerência referente ao ano de 2019, que aconteceu esta quinta-feira, 25, no Auditório do Liceu Amílcar Cabral.

“Durante este período, mesmo com a seca que tem afetado famílias do nosso concelho, tivemos uma boa execução durante o ano económico de 2019. Conseguimos manter articulações estreitas com o poder central para a mitigação da seca”, disse o Presidente Beto Alves.

Política de proximidade

O autarca destacou, ainda, que “Câmara Municipal, marcada por um novo ciclo de conjuntura política, destaca-se pela sua ação e dedicação, pela sua proximidade aos munícipes de todas as localidades, pela preocupação constante de desempenhar o seu papel como representante de todos os santacatarinenses”, uma dedicação e proximidade que, particularmente na área social, tem merecido o reconhecimento público.

“Este papel, de proximidade, levou a Câmara a construir 10 [dez] casas de raiz e a reabilitar outras 120 [cento e vinte], a implementar o projeto de Cadastro Social Único, um objeto de gestão de extrema relevância para o atendimento de famílias mais carenciadas e de combate à pobreza”, disse Beto Alves, salientando que, “para além disso, 200 [duzentas] famílias foram contempladas com o rendimento social de inclusão” e que “o custo anual de transporte escolar esteve à volta de 3.600 contos [três milhões e seiscentos mil escudos], com uma abrangência de 15 localidades”.

Ganhos assinaláveis

Mas não só a área social mereceu a atenção do Presidente, que sublinhou obras e infraestruturação como ganhos assinaláveis de 2019. “A Câmara Municipal executou obras estruturantes em várias localidades, sobretudo para gerar emprego. Obras de desencravamento, limpeza e manutenção de estradas, nomeadamente nas localidades de Nhagar, Charco, Achada Leite, Fundo Baixo, Mancholy, Palha Carga,acesso a Tabugal, entre outras”, elencou Beto Alves, referindo ainda a “eletrificação da Ribeira de Engenhos, a ligação de rede para água domiciliar, bem como as infraestruturas desportivas em diferentes localidades do concelho”.

Segundo Beto Alves, “foi neste contexto de labuta, apesar da seca severa, que tivemos este nível de execução, e essa é a maior demonstração do nosso empenho na construção de serviços públicos de qualidade”, salientou.

Para hoje, em pauta estão a apreciação e votação da proposta de Parceria Público-Privada, entre o município e o grupo Khym Negoce, para a requalificação da Praça 13 de Janeiro (Praça dos Namorados), bem como a apreciação e votação da proposta de Plano Estratégico Municipal de Desenvolvimento Sustentável (PEMDS), no horizonte de 2024.

 


© Sítio da CM de Santa Catarina 2020